Pesquisar este blog

codigos blog

assine o feed

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também

Seguidores e seguidos!

02 dezembro 2011

Menino com autismo se mata enforcado após sofrer bullying



David foi encontrado enforcado em seu quarto | Foto: Reprodução Internet
Lancashire (Inglaterra) - Um menino de 12 anos com autismo se matou enforcado, na última segunda-feira após sofre bullying de um grupo de meninas de sua escola em Lancashire, na inglaterra. Michael Raven foi encontrado inconsciente em seu quarto, ele ainda chegou a ser levado para um hospital local, mas foi declarado morto pouco tempo depois.

De acordo com a mãe de uma das alunas da escola, Michael estava sendo atormentado por um grupo de meninas de 8 anos. Elas pertubavam o menino devido ao seu problema. David Whyte, diretora da escola, disse que funcionários não estavam cientes que o menino estaria sofrendo bullying.


O boato de que o motivo da morte de David foi o bullying surgiu logo após o falecimento foi anunciado na escola. Uma série de afirmações surgiram no Facebook de alunos da instituição. O caso está sendo investigado pela polícia local. As informações são do jornal inglês
Daily Mail.

7 comentários:

  1. Oi td bem?
    Tb sou das blogueiras unidas n°1124 e já estou seguindo.
    Venha visitar o meu cantinho e seguir tb
    http://maosdemocas.blogspot.com/
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Que notícia triste!
    Tenho uma filha que também tem 8 anos e sempre digo para ela que não se deve rir ou zombar de ninguém que seja diferente. Nesta semana mesmo ela comentou sobre um menino que tem um problema e não anda direito. Eu falei se ela gostaria que alguém xingasse ou zombasse dela e a resposta dela é lógico que foi um não. Aí eu disse: o que eu não quero que façam comigo... e a minha filha completou: não devo fazer com os outros também.

    Todos os pais deveriam conversar com seus filhos sobre isso e também assistir filmes sobre crianças que têm algum problema para que elas cresçam respeitando o próximo.

    Tenha um ótimo final de semana.

    ResponderExcluir
  3. Você está estre os melhores de 2011, primeira premiação feita pelo blog Sei que Deus existe, passe por lá para conferir e pegar seu prêmio virtual parabéns pelo seu trabalho.
    http:www.seiquedeusexiste.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Ai daquele que fizer tropeçar um desses pequeninos! Lamentável, é o que posso expressar. É o reflexo dessa sociedade prostrada ao humorismo falacio, pobre e sem conteúdo, dos meios de comunicação!

    ResponderExcluir
  5. Acredito que hoje muitos Pais colocam na escola a culpa de muitos fatos, infelizmente nesse caso a escola sim deveria ter dado um apoio melhor e não se esquivar alegando não saber....Porem é mais comodo mandar seus filhos para a escola a achar que ela tem obrigação de educa-los.
    A verdade é que toda mãe e todo Pai sabe o filho que tem e na maioria das vezes não se importam ao ver seus filhos debochar da deficiência das crianças especial. Alegam que são criança e não fazem por mal.Acredito que enquanto os Pais não responderem pelas atitudes dos filhos Penalmente fatos como esse continuara a se repetir...Veja só uma crianças que tem capacidade de maltratar e trazer dor a alguém que ela acredita ser inferior a ela, não é uma criança sadia e tem que ser educada não só ela como os Pais principalmente.Com certeza se essas meninas tivessem Pais que as ensinassem o amor e o respeito ao próximo. Esse menino estaria vivo hoje "Que Deus alivie a perda dessa familia"

    ResponderExcluir
  6. Acredito que hoje muitos Pais colocam na escola a culpa de muitos fatos, infelizmente nesse caso a escola sim deveria ter dado um apoio melhor e não se esquivar alegando não saber....Porem é mais comodo mandar seus filhos para a escola a achar que ela tem obrigação de educa-los.
    A verdade é que toda mãe e todo Pai sabe o filho que tem e na maioria das vezes não se importam ao ver seus filhos debochar da deficiência das crianças especial. Alegam que são criança e não fazem por mal.Acredito que enquanto os Pais não responderem pelas atitudes dos filhos Penalmente fatos como esse continuara a se repetir...Veja só uma crianças que tem capacidade de maltratar e trazer dor a alguém que ela acredita ser inferior a ela, não é uma criança sadia e tem que ser educada não só ela como os Pais principalmente.Com certeza se essas meninas tivessem Pais que as ensinassem o amor e o respeito ao próximo. Esse menino estaria vivo hoje "Que Deus alivie a perda dessa familia"

    ResponderExcluir
  7. Acredito que hoje muitos Pais colocam na escola a culpa de muitos fatos, infelizmente nesse caso a escola sim deveria ter dado um apoio melhor e não se esquivar alegando não saber....Porem é mais comodo mandar seus filhos para a escola a achar que ela tem obrigação de educa-los.
    A verdade é que toda mãe e todo Pai sabe o filho que tem e na maioria das vezes não se importam ao ver seus filhos debochar da deficiência das crianças especial. Alegam que são criança e não fazem por mal.Acredito que enquanto os Pais não responderem pelas atitudes dos filhos Penalmente fatos como esse continuara a se repetir...Veja só uma crianças que tem capacidade de maltratar e trazer dor a alguém que ela acredita ser inferior a ela, não é uma criança sadia e tem que ser educada não só ela como os Pais principalmente.Com certeza se essas meninas tivessem Pais que as ensinassem o amor e o respeito ao próximo. Esse menino estaria vivo hoje "Que Deus alivie a perda dessa familia"

    ResponderExcluir

Oi seja bem vindo (a) fike a vontade e deixe seu comentário e seu link para que eu te visite também abraçoss