Pesquisar este blog

codigos blog

assine o feed

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também

Seguidores e seguidos!

08 agosto 2011

Prédio da Emeb 'Profª Lucia Steffen' é entregue para o Civai

A unidade passou por reforma para receber a entidade.

A Prefeitura de Indaiatuba, por meio da secretaria de Educação, realizou na manhã de 4 de agosto a entrega do prédio da Emeb “Profª Lucia Steffen” para o Colégio Integração e Vivência do Autista de Indaiatuba (Civai) ligado ao Centro de Integração, Reabilitação e Vivência do Autista (Cirva).

A entrega foi realizada pelo prefeito Reinaldo Nogueira no prédio da Unidade Escolar. Além do prefeito esteve presente a secretária de Educação, Rita de Cássia Trasferetti; a presidente do Cirva, Rosimary Martinha de Sousa; a diretora fundadora, Maria Rosilda da Silva; o secretário de Esportes, Maurício Baroni, a secretaria de Assistência Social, Vera Lúcia Lorenzetti Canali; o secretário de governo, Odair Gonçalves e o secretário de Negócios Jurídicos, Wanderley José Boni.

A secretária de Educação iniciou agradecendo a presença de todos e ressaltando o trabalho em parceria. “A pessoa que é diferente precisa ser amada e é isso que estamos fazendo aqui hoje, demonstrando esse respeito e amor por essas vidas. Agora o Civai é parceiro da Educação, pois temos autistas em salas normais, mas existem alunos que não há como ser atendidos em escola regular, por isso essa parceria é tão importante e é com respeito e carinho que entregamos esse prédio. Espero que aqui tenha muita alegria, aprendizado e amor. Parabéns a todos as famílias por essa conquista”, ressalta Rita.

A diretora fundadora do Cirva também trocou palavras com os presentes e agradeceu o prefeito Reinaldo Nogueira pela iniciativa. “Quero agradecer primeiramente a Deus por esse prédio e ao prefeito Reinaldo Nogueira que tem cumprido o seu dever com responsabilidade. Ser mãe de um autista não é fácil, pois existem as dificuldades para cuidar eles e sei que aqui temos profissionais que cuidam com amor e carinho. Deus me deu a missão de ser mãe de um autista e jamais poderia cruzar meus braços para cuidar apenas do meu filho. Nossas crianças tem o tratamento merecido aqui e hoje é um dia muito especial para nós no Cirva por receber este prédio”, declara Maria Rosilda.

Após os discursos houve o descerramento da placa inaugural.

Neste exercício sobre a administração do Cirva serão atendidos 20 alunos no Ensino Fundamental. Para 2012 a previsão é que haja um aumento de 20% dos alunos atendidos. A entidade atende também outros autistas no sistema de ambulatório, o atendimento continuará a ser feito na unidade antiga.

O prédio da Unidade Escolar foi desativado no início de 2010 e os alunos da Educação Infantil foram remanejados para a Emeb “Profª Áurea Moreira da Costa”, localizada no mesmo bairro. A reforma de adequação foi iniciada no final de março deste ano, com o objetivo de abrigar o Cirva. A execução da obra foi de responsabilidade da Projeção Engenharia Paulista de Obras Ltda com a fiscalização da Secretaria de Planejamento Urbano e Engenharia.

A reforma geral do prédio que possui 211,05 m² custou R$ 170.050,26 e incluiu a divisão de duas salas de aula em quatro, adaptação do pátio para uma secretaria, adequação de banheiros, substituição do alambrado por mureta e gradil e pintura geral. Também foi feito o aterro de uma parte do pátio e instalado um playground no local.

A Unidade Escolar está localizada na rua Alberto Santos Dumont nº 95, Vila Teller.

Cirva

O Centro de Integração, Reabilitação e Vivência do Autista, foi fundado em 1º de julho de 1997 por Maria Rosilda da Silva, que hoje é gerenciadora da entidade. Aos cuidados da presidente Rosimeire Martinha de Souza, o Cirva funciona atualmente na rua Padre Bento Pacheco nº 741 - Jardim Pau Preto.

O objetivo é proporcionar e melhorar a qualidade de vida dos autistas buscando sempre a inclusão social. O público alvo é: famílias, portadores de autismo, e outras síndromes na faixa etária de 5 a 30 anos. A entidade é conveniada com a Prefeitura de Indaiatuba por meio das Secretarias de Saúde, Educação e Social.

O Cirva atende 42 pacientes, 20 alunos do Núcleo Civai em três salas de aulas. São 22 alunos do Programa de Inclusão que recebem atendimentos de ambulatório. Também conta com profissionais de Fonoaudilogia, Terapia Ocupacional, Fisioterapia, Educação Física, Psicologia, Educação Física, Refloxologia e Serviço Social além das orientações para mães e famílias. 

fonte:itu.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oi seja bem vindo (a) fike a vontade e deixe seu comentário e seu link para que eu te visite também abraçoss